quinta-feira, 3 de novembro de 2016

PLANTÃO 190: 4 adolescentes são apreendidos e material furtado na creche Tia Terezinha é recuperado no bairro da Areia

Cambota, Gambá, Gongo e Iago.

A creche Tia Terezinha localizada no bairro São Lucas foi alvo da ação dos criminosos na madrugada desta quinta-feira (03), na oportunidade os arrombadores levaram vários produtos eletroeletrônicos, como, ventiladores, aparelho de TV, garrafas térmicas, botijões de gás, material de cozinha, computadores, aparelho de DVD, armas de fogo e várias facas e facões. 
 
 
 
 


Depois de um trabalho de investigação realizado pelo Serviço de Inteligência do 15º BPM, os policiais chegaram ao paradeiro dos menores infratores envolvidos na ação delituosa, são eles;

Cambota, Gambá, Gongo e Iago, esse último maior de idade.

Eles confessaram terem arrombado a creche e praticado o furto, todo o material furtado foi encontrado na residência do menor de idade, conhecido como Gambá, localizada na Rua São Francisco, próximo à escola Tales Ribeiro no bairro da Areia.

A apreensão dos menores e prisão de Iago que já tem várias passagens pela polícia ocorreu por volta das 16h00 desta quinta-feira (03).

EM TEMPO: Em tom de deboche, no momento em que perguntados o porquê de terem praticado o furto, eles responderam da seguinte forma: “Não podemos trabalhar porque somos menores, e o conselho tutelar não deixa”.

Um verdadeiro “tapa na cara” da sociedade.

Maiores detalhes sobre essa matéria no programa Bom Dia Bacabal, a partir das 07h da manhã e na programação da TV Bacabal canal 09 (REDE MEIO NORTE).

Redação/Vanilson Rabelo.

11 comentários:

  1. Rapaz essa peste desse Gongo ai vivi querendo colocar o pânico nos moradores do bairro São Lucas se acha o rei da cocada por aqui, olha taca infeliz.. te digo nadinha kkkkkkk

    ResponderExcluir
  2. Iago não tem jeito que dê jeito, o cara ja foi furado em cima do peito quase morre, depois foi preso várias vezes por assalto e disse que iria mudar, começou a frequentar a igreja, enfim. tomara que ele mude e para melhor, mas pelo que se vê é que isso tá longe de acontecer

    ResponderExcluir
  3. Rapaz e onde diacho era que esse vigia tava socado nessa hora do arrombamento que não viu nada, ou tava dormindo, é porque a pessoas falam que a grande maioria dos vigias de creches e escolas, eles vão pra casa dormir e quando tá amanhecendo eles voltam para o local de trabalho como se estivessem passando a noite inteira por lá.

    ResponderExcluir
  4. Todos 4 vagabundos descarados que ainda dizem que não podem trabalhar porque são menores, e por isso roubam dos outros? tem que pegar é porrada da população, a se a comunidade pega numa hora dessas esses "crianças" ai iriam aprender com quantas tábuas se fazem uma canoa

    ResponderExcluir
  5. Bando de cabras safados, roubam tudo, furtam tudo, até material de cozinha, rapaz nem pra esse vigia descer o tiro de SAL nas costas desses 4 malas ai que eu tenho certeza que no mais tarda amanhã já estarão todos nas Ruas sorrindo da cara das pessoas e se alto vangloriando por mais um crime que fazem, vocês olharam ai o que eles disseram que não trabalham porque são menores, bando de bandidos travestidos de menores de idade, podia essas pragas não votarem, #BOLSONARO2018

    ResponderExcluir
  6. Volto a dizer o trabalho do Serviço de Inteligência da Polícia Militar é muito importante porque acabam descobrindo os crimes praticados em Bacabal e localizando os envolvidos, porém, todo esse trabalho na maioria dos casos é "perdido" já que as brechas das Leis brasileiras deixam muito a desejar, no mais Parabenizo a estes guerreiros da PM pelo excelente trabalho

    ResponderExcluir
  7. olha ai o tamanho do desrespeito para com as pessoas de bem da nossa sociedade, não trabalha porque é menor de idade, a marginais safados, falta de uma boa taca dada com cipó de goiaba e tamarindo, falta de taca principalmente dos pais.

    ResponderExcluir
  8. Sabe-se que a expressão
    menores infratores
    se refere aos menores situados abaixo da idade
    penal, geralmente adolescentes que praticam algum f
    ato classificado como ato infracional.
    Algumas dessas “crianças” chegam a este ponto devid
    o as dificuldades encontrada no seu
    crescimento, que muitas vezes estão relacionadas co
    m a falta de seus pais, ou estar morando em
    favelas onde se aprende desde cedo sobre a marginal
    idade sem nenhuma assistência
    governamental, etc. Esses menores precisam cada vez
    mais serem assistidos por pessaos que os
    acompanham.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. essa frase assistência governamental é hipocrisia pura. o que acontece é a família que estão abandonando suas crianças sem fazer papel de pai ou mão. levar e buscar na escola, acompanhar comportamento, notas, levar pra igreja, ensinar honestidade, caráter, respeito, trabalho. "ter responsabilidade". os moleques fazem o que querem. e ficam jogados como cachorros na rua. pai e mãe devem ter responsabilidade. não fabricar e jogar nas ruas ou em casa de avós que não tem estrutura pra cuidar nem deles prprios.´o resultado é esse . OU BALA NOS COUROS.

      Excluir
  9. O caminho que leva à marginalidade não é traçado po
    r uma categoria
    particular de crianças e adolescentes, mas sim por
    todo um conjunto de
    problemas sociais.” Com essa frase pode-se entender
    que o problema
    não esta ligado a uma pessoa, mas sim para toda uma
    sociedade a sua
    volta que precisa de cuidados especiais.

    ResponderExcluir