sábado, 22 de outubro de 2016

PONTO DE VISTA: PMS do 15º BPM de Bacabal ajudam criança vítima de assalto, e o resultado é surpreendente



Uma das notícias que percorreu o estado do Maranhão na manhã deste sábado (22), foi sobre uma ocorrência que teve como vítima uma criança de aproximadamente 7 anos de idade. O garoto chegou no 15º BPM pedindo socorro já que teria sido vítima de assalto, onde levaram todo o dinheiro apurado da venda de ‘suquinho’ ou o conhecidíssimo “dimdim”.

Se solidarizando com a causa os Policiais Militares, fizeram uma “vaquinha” arrecadando a quantia subtraída pelos ladrões, cerca de R$ 11,00. E em seguida o levaram para sua residência em segurança. O fato divergiu opiniões, algumas pessoas disseram que não se pode colocar uma criança para vender nenhum tipo de produto, por outro lado àqueles que disseram que cresceram trabalhando desde crianças e que isso acompanhado de uma boa educação transforma as pessoas em cidadãos de bem.

Entretanto, o importante mesmo é que não houve nada grave com a criança, que depois do susto foi levada para casa com muita segurança. O ato de solidariedade praticado pelos policiais de Bacabal foi destaque em vários sites e blogs da imprensa maranhense.
 




Diante desse fato, que me chamou muita atenção, resolvi aqui fazer em poucas linhas este texto, para falar um pouco desses bravos guerreiros (a) que fazem parte da nossa importante Policia Militar do Estado do Maranhão.

Inicio já parabenizando os PMS que atenderam a está ocorrência, Cb. Janilson, Sd. Dominique, Sd. Carvalho, Sd. Paiva, Sd. Hugo. Quero dizer que essa homenagem é justa e necessária, pois a grande maioria das pessoas reconhece e aplaude ações especificas de tropas de elite, mas esquecem da importância dos policiais que estão diuturnamente fazendo o policiamento ostensivo. São estes policiais os mais importantes para a segurança pública e, consequentemente, para a sociedade, pois são eles que conhecem a região, suas dificuldades e suas necessidades. São estes policiais que prestam o primeiro atendimento ao cidadão e são estes homens que tantas vezes resolvem problemas não relacionados diretamente com a segurança pública, orientando, auxiliando e encaminhando. São estes policiais que não são valorizados pelos nossos governantes, que são os nossos verdadeiros heróis, pois trabalham com as dificuldades e perigos das situações mais corriqueiras e anormais, sem nunca saber o que lhe espera e o que enfrentará. Estes bons policiais trabalham muito mais do que suas horas obrigatórias, se preocupam muito mais do que deveriam, arriscam suas vidas muito mais do que a prudência recomendaria. No entanto, estes policiais, sentem o prazer de salvar uma vida, impedir uma injustiça ou fazer com que o algoz não consiga prevalecer sobre um pai de família. Para eles, com certeza não há recompensa maior. Por fim, agradeço a cada entrevista concedida ao Repórter Vanilson Rabelo pelas emissoras as quais prestei serviço em Bacabal, sem nomes (rsrs), por falta de espaço e pelo risco da ausência, mas com satisfação de ter conhecido homens e mulheres extraordinários.

Parabéns pelo excelente trabalho que a nossa Polícia Militar de Bacabal presta a sociedade”.

Redação/Vanilson Rabelo.

23 comentários:

  1. Pior ser ele estivesse Roubando,A Atitude de um homem é trabalhar desde criança Para da Valor a Vida, É Por Isso Que Ta essa vagabundagem todinha por causa de conselho tutelar...
    Parabéns ����
    Bela Atitude, E quanto a Esses Ladrãos Vagabundos os dias Deles estão contados.

    ResponderExcluir
  2. Rapaz um vagabundo desse que rouba uma criança merecia era morrer. Bandido bom é bandido morto

    ResponderExcluir
  3. Parabéns guerreiros vocês merecem tudo de bom! Que Deus os proteja sempre

    ResponderExcluir
  4. Em meio de tantos absurdo que vimos no dia a dia..esses polícias estão de parabéns..esse tipo de atitude chama-se amor au próximo parabéns..

    ResponderExcluir
  5. Poxa,nem as crianças esses vagabundos não respeitam.
    Por isso que eu não tem no dó de vagabundos.

    ResponderExcluir
  6. na idade dessemenino eu tambem vendia dindim em bacabal só que na epóca era mais mais calmo parabens aos policias

    ResponderExcluir
  7. Essas coisas a imprensa não mostra

    ResponderExcluir
  8. E quem disse que isso enteresa a imprensa,...imprensa de Bacabal MA, e um jornal político, dá náuseas assistir a esses mínimos telejornais, era pra se ter regra, e uma severa penalidade a quem descumprisse a regra, mas não Bacabal ainda dá audiência.

    ResponderExcluir
  9. Atitudes assim, revelam o lado de uma polícia cidadã. Louvação aos policiais

    ResponderExcluir
  10. A culpa NÃO é da mãe, a culpa NÃO é da criança, a culpa é do ladrão. Esse, sim, tem o repúdio de toda a sociedade. Deve ser preso, trabalhar para ressarcir o prejuízo material e pagar na cadeia sua atitude deplorável. Assim deveria ser. Antigamente todo menino vendia alguma coisa. Eu mesmo vendi dindim. Numa crise dessa não vejo problema os filhos ajudarem seus pais, claro que com limite. Por causa de tantas leis e proibições é que esse mesmo ladrão, pode ter se tornado assim.

    ResponderExcluir
  11. Meu Deus como tem gente ruim neste mundo ainda bem que Deus colocou estas pessoas maravilhosas em seu caminho que Deus os abençoe

    ResponderExcluir
  12. Fico pensando uma criança que já procura ganhar o seu dinheiro de maneira honesta, ai vem um vagabundo que não faz nada e rouba o dinheiro dele!que pra muitos essa quantia seje pouco,mais PR ele era muito...fico feliz pela atitude dos bravos policias, que se comoveram com o clamor dessa criança!

    ResponderExcluir
  13. Vanilson Rabelo, você como sempre com belas palavras, parabéns pelo seu trabalho e sempre reconhecendo o nosso trabalho, as pessoas estão aqui parabenizando a PM, claro e com toda razão, mas também deixo aqui em nome de meus irmãos de farda meu apoio ao seu trabalho, sempre feito de forma correta, sem denegrir imagem de ninguém, sempre de maneira ética, e com muito profissionalismo. Parabéns meu amigo Vanilson Rabelo, espero que um dia faça parte dessa nossa briosa Polícia Militar do Estado do Maranhão. Tenha fé e foco meu amigo.

    ResponderExcluir
  14. Vejo o pessoal falando que tinha que chamar o conselho tutelar e tal, gente larguem de ser besta, por isso que tá essa baderna em nosso pais, eu cresci vendo meu pais trabalharem, ajudei a vender limão, vendi picolé empurrando carrinho nas ruas de Bacabal, meus amigos também faziam isso, e ninguém morreu ou virou vagabundo, ai o povo não quer pra ninguém fazer mais isso, por isso que tá do jeito que tá. por isso que a maioria dos menores hj em dia é vagabundo, por essa moleza toda, claro nada de trabalho escravo ou trabalho infantil, mas não custa nada a ajudar as vezes. enfim, cada um tem sua opinião, e essa é a minha. PARABÉNS AOS POLICIAIS

    ResponderExcluir
  15. Vejo o pessoal falando que tinha que chamar o conselho tutelar e tal, gente larguem de ser besta, por isso que tá essa baderna em nosso pais, eu cresci vendo meu pais trabalharem, ajudei a vender limão, vendi picolé empurrando carrinho nas ruas de Bacabal, meus amigos também faziam isso, e ninguém morreu ou virou vagabundo, ai o povo não quer pra ninguém fazer mais isso, por isso que tá do jeito que tá. por isso que a maioria dos menores hj em dia é vagabundo, por essa moleza toda, claro nada de trabalho escravo ou trabalho infantil, mas não custa nada a ajudar as vezes. enfim, cada um tem sua opinião, e essa é a minha. PARABÉNS AOS POLICIAIS

    ResponderExcluir
  16. Parabéns a nossa Policia Cidadã

    ResponderExcluir
  17. A nossa Carta Magna, a atual Constituição Federal de 1988 plantou a semente de uma nova Polícia, uma Polícia voltada para o povo, para efetivamente proteger o povo, para ser a guardiã das Leis Penais e da sociedade e, com o intuito principal de manter a ordem estabelecida pelo Estado Democrático do Direito.

    Da semente plantada nasceu a Polícia cidadã. Cresceu, floresceu e já vem dando alguns bons frutos para a sociedade brasileira, embora muito ainda falte para o colhimento de uma ótima safra advinda desta frondosa árvore protetora do povo.

    ResponderExcluir
  18. Não há como confundir o termo Polícia cidadã, como sendo uma Polícia covarde, frouxa, que trata os marginais com flores, delicadamente... Muito pelo contrário, a Polícia cidadã é uma Polícia forte, destemida, honrada, justa, capaz de realizar qualquer ato legal possível para defender os direitos ultrajados do cidadão cumpridor dos seus deveres e obrigações.

    ResponderExcluir
  19. É necessário combater o crime, a marginalidade, mas, sobretudo, desenvolver políticas para cortar as raízes alimentadoras e constitutivas do delito. Se o Brasil não tiver políticas de segurança pública que levem em conta ações sociais, o país corre o risco de caminhar, cada vez mais, para uma situação de barbárie crescente, pois as cidades serão apropriadas por aqueles que desejam substituir o Estado pelo crime organizado. Por esse motivo, é urgente valorizar o trabalho dos trabalhadores da segurança pública.

    ResponderExcluir
  20. Parece ser tradição arraigada do povo brasileiro em generalizar que a polícia é ineficiente, corrupta e corruptível, que todo policial é ignorante, arbitrário e irresponsável, quando, na verdade, de uma maneira geral, tais entendimentos não passam de pensamentos ilógicos e insensatos, pois a polícia também evoluiu com o tempo, não estagnou como muitos continuam em teimar com tais concepções retrógradas.

    ResponderExcluir
  21. A polícia cidadã é a guardiã da Lei e digna protetora da sociedade e da cidadania. No seu cotidiano, o policial investiga, protege o bem, combate o mal, gerencia crises, aconselha, dirime conflitos, evita o crime, faz a paz e regula as relações sociais. É o policial, portanto, um grande amigo do cidadão e no seu cotidiano resguarda os seus direitos contra os seus transgressores, ou seja, protege os Direitos Humanos dos humanos direitos em detrimento dos seus reais direitos que de regra são pouco respeitados até mesmo pela sua própria instituição.

    Conclui-se assim que o policial é incompreendido, massacrado, humilhado, injuriado, desrespeitado, atacado e mesmo assim permanece de pé, firme, forte e trabalhando sempre em busca da tão sonhada paz social.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. quem fala mal da policia pé vagabundo. como toda instituição, tem seus podres.( uma minoria ) mas a grande maioria são feitas de grande e honrados homens e muheres. Sou fã da PM .

      Excluir
  22. enfim.a pm fáz até parte do trabalho que é de obrigação da policia Civil. que fica com um monte de viaturas paradas da frente da delegacia.

    ResponderExcluir