domingo, 30 de junho de 2019

Após declarações de Simplício Araújo; César Brito ressurge dos bastidores políticos em Bacabal, o qual estava sumido desde quando foi derrotado na suplementar de 2018...

Simplício Araújo e César Brito/Foto Arquivo.

Durante participação de Simplício Araújo na 14ª Agrofeira de Bacabal, ele concedeu entrevista ao Portal Cuxá, e disse as seguintes palavras; 

"Eu não vou retirar meu nome, não vou fugir do desafio, o nome está posto, sou filho dessa terra, não vou fugir a essa discussão".

Como todos sabem, na eleição suplementar de 2018, Simplício Araújo apoiou junto ao grupo, hoje de oposição, o nome do vereador licenciado por duas vezes, César Brito, naquela ocasião, para prefeito de Bacabal. 

De acordo com o Portal Cuxá,  Simplício desviou da pergunta, a qual foi feita a ele sobre as eleições do ano que vem, e disse o seguinte; 

"Agora é momento de cada um tocar sua vida, e lá na frente, quem tiver melhor condição, vai ser, com toda certeza, o candidato da oposição aqui na cidade de Bacabal". 

Bastou isso, para César Brito sair dos bastidores e já começar a se movimentar pensando na eleição do ano que vem, quando mais uma vez, testará sua popularidade junto ao eleitorado Bacabalense, vale lembrar que, até o momento, desde quando assumiu em janeiro de 2017, Brito ainda não mostrou os trabalhos que se esperam de um parlamentar e representante do povo, e que, nesse período como vereador, já se licenciou por duas vezes, sendo assim, substituído por Raimundo Feitosa.

Perdendo apoio.

Informações averiguadas pela reportagem do BVR,  dão conta de que, logo após anúncio feito por Simplício Araújo, Brito perdeu alguns apoios e cabos eleitorais que estiveram ao seu lado desde o ano passado, alguns, que ainda permanecem junto ao grupo do vereador, se queixam de não estarem sendo reconhecidos como deveriam ser, além de cabos eleitorais e apoiadores, parte da imprensa, que até pouco tempo ventilavam o seu nome, como o melhor para concorrer pela oposição no ano que vem, alguns já levaram até porta fechada na cara.

Voltaremos ao assunto...

Redação/Vanilson Rabelo.