quarta-feira, 8 de março de 2017

Está cada vez mais difícil chegar à cidade de Bom Lugar, principalmente através das estradas vicinais, contratados da saúde nunca receberam dinheiro, e posto de saúde do povoado alto bonito não tem medicamentos

Blog do André Araújo.                             

A cidade de Bom Lugar – MA, que fica a 246 km da capital do Estado e que tem uma população em torno de 14.826 habitantes, pensou em dias melhores com a eleição de Luciene Costa, que obteve 5.195 votos, ela que é esposa de Rogério Costa, conhecido como “Pitbull”, que chegou a disputar algumas eleições para prefeito da cidade, porém, não obtendo vitória em nenhuma das disputas. Muitos  eleitores, principalmente os menos favorecidos viam em sua pessoa um forte aliado em defesa dos menos beneficiados. 

Estrada que liga Bacabal à Bom Lugar via Brejinho.

Com problemas na justiça Pitbull  não concorreu as eleições de 2016, colocando a sua esposa que se tornou a prefeita de Bom Lugar. Mas, nem tudo são flores na administração de Luciene Costa, algumas líderes políticos que ajudaram na campanha, hoje, já demonstram outro discurso, muitos se consideram  esquecidos pela atual gestora.
Recentemente, este blog recebeu algumas denúncias principalmente sobre o acesso a cidade de Bom Lugar via estradas vicinais, quase todas intrafegáveis. Certo que estamos em período de chuvas, mas, segundo estes moradores algo poderia ser feito para amenizar o sofrimento da população.

No povoado que liga Bacabal a Bom Lugar, via Brejinho, precisamente no povoado Centro dos Teles a situação é ainda pior. Um grande lamaçal dificulta o deslocamento de pessoas o que acarreta enormes prejuízos àquele povo.
Situação semelhante e não menos triste, vivem os moradores do povoado centro do “Naninha”, que também se encontram isolados e sem assistência do poder público municipal. Centro do Naninha é um povoado praticamente de uma mesma família e  que sempre foram defensores do grupo que hoje administra a cidade, mas, se sentem esquecidos pela atual gestora de quem sempre foram aliados.
As denúncias vão desde a falta de medicamentos no Posto de Saúde do povoado Alto Bonito, que se encontra em total abandono, até a falta de pagamento dos servidores contratados da saúde que até agora não receberam um tostão sequer.
Mas isso é assunto para outra matéria.

Com a palavra a atual administração da cidade de Bom Lugar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário