quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Apenas cinco deputados maranhenses não mandam conta da refeição para a Câmara

Apenas cinco deputados maranhenses optaram por não pedir reembolso com gastos de alimentação aos cofres da Câmara Federal. Foram eles, Alberto Filho (PMDB), Cleber Verde (PRB), José Reinaldo (PSB),Sarney filho (PV) e Waldir Maranhão (PP), o levantamento foi divulgado pelo site Congresso em Foco.

Dos 18 parlamentares do Maranhão, que passaram pela Casa no primeiro ano da atual legislatura, somente  cinco  deputados  preferiram não usar a cota para cobrir despesas com alimentação. Cada deputado tem direito a receber de R$ 30.788,66 a R$ 45.612,53, conforme o estado de origem, para cobrir despesas atribuídas ao mandato. Gastos com transporte, hospedagem, divulgação da atividade parlamentar, consultoria, combustíveis e alimentação, tudo isso pode ser ressarcido, basta apresentar nota fiscal.

No caso das refeições, o parlamentar pode comer em qualquer restaurante, de qualquer cidade, inclusive do exterior. A Câmara não é rigorosa na análise da prestação de contas. Limita-se a verificar apenas a regularidade fiscal e contábil dos documentos.

Veja a lista dos que não pediram ressarcimento à Câmara por despesas com refeição:


Fonte: Dalvana Mendes

Nenhum comentário:

Postar um comentário