quarta-feira, 6 de abril de 2016

Capinzal do Norte: Enquanto prefeito Roberval Campelo trabalha, Ana do Gás Atrapalha



Foi realizada na última segunda-feira (04), na cidade de Lima Campos uma importante reunião com agentes do (IMESC*), que contou com a participação do Prefeito da Cidade de Capinzal do Norte Roberval Campelo, do Vice-prefeito Almir Alves, representantes das cidades de Lima Campos, Peritoró e Codó, além da presença da deputada estadual Ana do Gás, primeira dama da cidade de Santo Antônio dos Lopes.
O objetivo  da reunião, foi discutir os motivos pelos quais, a cidade de Santo Antônio do Lopes, administra 4 km do território geográfico pertencente à cidade de Capinzal do Norte.  A divisão territorial de Santo Antônio dos Lopes invadiu uma grande parte pertencente à cidade vizinha, o que está gerando grande desconforto aos munícipes de Capinzal. 

 
A vontade da atual gestão de Santo Antônio dos Lopes é tomar a “força” a termelétrica do gás, o prefeito de Capinzal Roberval Campelo, está buscando seus direitos honestamente pelas vias legais através da justiça, e a deputada Ana do Gás, a todo custo querendo atrapalhar e diminuir o povo de Capinzal do Norte, com a invasão do território. Como já era esperado e essa não é a primeira vez, o prefeito de Santo Antônio dos Lopes não compareceu a audiência e foi representado pela esposa e deputada, que disse a imprensa que não se trata de invasão territorial, algo totalmente contrário ao que mostra os gráficos apresentados por agentes do (IMESC).

O diretor do (IMESC), instituto maranhense de estudos sócios econômicos e cartográficos, disse que fará um estudo minucioso dos pontos geográficos e somente a partir dos resultados poderá chegar a uma solução positiva. 

Segundo o prefeito de Capinzal do Norte Roberval Campelo, o povo está sendo prejudicado já que com a “tomada” dos 4 km do território de Capinzal, a cidade deixa de receber mais de 2milhões de Royalties do Gás extraídos no município. 
nosso intuito maior, nosso desejo é que tudo seja feito com legitimidade, com seriedade e é isso que nós esperamos, há muito tempo buscamos ter essa certeza em relação ao limite do município, em todos esses limites, a gente ganha e perde, mais mesmo assim queremos a legitimidade, por isso mais uma vez estamos aqui reunidos para cobrar celeridade desses estudos– enfatizou Roberval Campelo.

Redação/Vanilson Rabelo   

Um comentário:

  1. Só se preocupa com os Royalties, agora se preocupar com o pessoal daquela área, prefeito nunca ligou.

    ResponderExcluir